Tudo tem um começo e o começo também pode ser muito bom

Oi divas.
Estudando um pouco sobre desenvolvimento pessoal vi um vídeo que me chamou atenção com uma frase:



Isso veio como uma flecha, pois eu tinha planos de usar este blog como uma motivação para as pessoas interessadas em assuntos como atividade física, alimentação saudável e desenvolvimento espiritual, mas eu não sou boa em nenhuma dessas coisas e estava esperando chegar em um nível melhor pra então poder começar a dividir meus conhecimentos.

Só que tudo isso demanda tempo, pois a coisa não acontece da noite para o dia.
E o que eu iria fazer durante esse tempo? Só treinar e treinar, esperando um dia poder postar fotos interessantes, fazendo movimentos de alta performance, com uma flexibilidade invejável, com um corpo todo sarado, dando receitas milagrosas e mudando a forma de pensar das pessoas, quando na verdade tudo isso vende apenas um sonho inatingível para a grande maioria das pessoas.
E disso a internet está cheia. Não estou dizendo que as pessoas que mostram alta performance, corpos sarados ou habilidade culinárias incríveis estão erradas, pois cada pessoas dá o melhor de si e elas estão fazendo o melhor delas, e sinto orgulho disso e as admiro muito.
Mas, como fica a cabeça de quem não consegue nem sequer fazer uma flexão de braço (\o/ eu), e está há muito tempo vivendo no sedentarismo, tentando dietas e mais dietas sem resultado e se sentindo cada dia mais desanimada? O que passa em suas mentes quando procuram por alguma forma de mudar tudo isso e só encontra dicas mirabolantes de pessoas que já fizeram todo o caminho e que falam o tempo todo que tudo é fácil, só precisa se dedicar? E mesmo você se dedicando não consegue chegar a lugar nenhum?

Não, não é fácil, mas também não, não é tão complicado assim se você entender o processo que leva ao sucesso.

Por isso decidi me mostrar aqui desde o começo, com todas minhas falhas e dificuldades, para servir como exemplo para todas as mulheres que desejam viver um sonho e acham que já passaram da idade.
E é isso que vocês tem presenciado tanto aqui no blog, como no meu instagram @marisatamashiro e na página do facebook divaprendada, fotos de uma pessoa buscando mudar a realidade desde o começo. Para que você descubra que é possível, mas que demanda tempo e esforço.

O que quero mostrar com tudo isso que venho fazendo é que você também não precisa ter vergonha de sua incapacidade atual diante de uma situação, pois todos nós temos um começo, não importa a área que atuamos. Viver é isso, é se dar a oportunidade de evoluir, e evoluir é aprender coisas novas nos desafiando a cada dia que passa.

Tudo tem um começo e se você se permitir seguir em frente, levantar depois de um tropeço e desafiar sua capacidade, irá descobrir que sua força, inteligência e coragem são muito maiores do que você jamais imaginou.

Permita-se ser iniciante, pois só quem inicia tem a chance de um dia chegar ao nível máximo. Quem apenas observa, jamais será nem ao menos iniciante e perderá a oportunidade de realizar sonhos.

Jamais tenha vergonha de começar seja lá o que for, e mesmo que muitos ao seu redor falem que aquilo não é para você, apenas dê um sorriso por educação e continue sua caminhada, pois enquanto alguns debocham e duvidam, tenha certeza que muitos te admiram e se inspiram em sua coragem e força.

Te convido a compartilhar comigo essa caminhada, entre sonhos e desafios, coragens e medos e principalmente sendo uma mulher de fibra e garra, sem medo de começar e recomeçar a cada dia, olhando além de sua idade e aparência, pois para realizar um sonho, você já tem tudo o que precisa: VOCÊ.

Beijinhos

2 comentários:

  1. Incrível como vc consegue pensar em todos!! Depois que li o post vi o quanto é verdade e eu nunca tinha parado pra pensar nisso. É muito bom poder ver a evolução. Motiva muito mais!! Parabéns pela forma linda de pensar. Beijos

    www.vestidoetenis.com

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigada Pry, estou aprendendo a amar tanto o caminho quanto a chegada e quando percebi que tem muita gente no caminho também, vi o quanto é importante valorizarmos esse momento e compartilhar com elas experiencias que engrandecem a elas e a mim.
      Beijinhos

      Excluir

imagem-logo